sexta-feira, 17 de junho de 2011

A IMPORTÂNCIA DE SABER DIFERENCIAR OBJETIVIDADE DE SUBJETIVIDADE



Nos jornais, na T.V , assim como nos mais variados tipos de discursos, as pessoas estão sempre tentando nos convencer a pensar como eles. Somos o tempo todo bombardeados com fatos, números, opiniões e projeções. Cabe a nós criarmos um senso crítico para,  dentro deste caos encontrar os padrões que irão nos ajudar a compreender o que é verdadeiro, o que poderia ser verdadeiro, e o que é completamente falso. Para isso, precisamos ter conhecimento dos conceitos de objetividade e subjetividade.
            A diferença entre essas duas importantes idéias é a diferença entre fato e opinião. Os fatos são objetivos e comprovadamente verdadeiros. Opiniões são idéias subjetivas realizadas por indivíduos e por isso são sempre tendenciosas. Algumas opiniões nos são apresentadas como se fossem fatos, elas agem como propaganda ou persuasão, por exemplo, uma manchete de jornal pode afirmar: "Os jovens são a principal causa de problemas nessa área". Isto é apresentado como um fato objetivo, mas é claramente uma opinião subjetiva.
           Para uma informação ser objetiva é necessário, portanto, que ela seja comprovadamente verdadeira, assim como, imparcial e balanceada, visto que uma informação subjetiva é tendenciosa porque, ou não é a imagem completa ou é apenas um ponto de vista ou a expressão de sentimentos.
·          Quando é preciso ser objetivo e subjetivo

            É  importante ser objetivo quando você está fazendo qualquer tipo de decisão racional. Essa decisão pode envolver comprar algo ou decidir que oferta de emprego aceitar, por exemplo. Devemos também ser objetivos quando estamos lendo, especialmente fontes de notícias. Ser objetivo quando você está em reuniões ajuda a manter a concentração focada no seu objetivo, ao invés de deixar que as emoções falem por você.
        A subjetividade pode ser usada quando nada tangível está em jogo. Quando você estiver assistindo a um filme ou lendo um livro por prazer, por exemplo. Se você estiver discutindo qualquer tipo de arte, música, filmes, etc, você tem que manter em mente que as opiniões de todos sobre um determinado assunto são subjetivas.
Definição de objetivos e subjetivos
O objetivo é uma declaração de que é completamente imparcial. Não é tocada por experiências anteriores do falante ou gostos. É verificável, observando-se os fatos ou realizar cálculos matemáticos.
Subjetivo é uma declaração que foi influenciada pelo caráter do falante ou escritor. Muitas vezes tem uma base na realidade, mas reflecte a perspectiva completamente com a realidade vista orador. Ele não pode ser verificado através de fatos e números concretos.

Quando é preciso ser objetivo e subjetivo
Objetivo: é importante ser objetivo quando você está fazendo qualquer tipo de decisão racional. Ele pode envolver comprar algo ou decidir que oferta de emprego para tomar. Você também deve ser objetivo quando você está lendo, especialmente fontes de notícias. Ser objetivo quando você está de reuniões e conversações com pessoas novas ajuda você a manter sua concentração focada no seu objetivo, ao invés de todas as emoções pode desencadear a sua reunião.
Subjetiva: pode ser usado quando nada tangível está em jogo. Quando você estiver assistindo a um filme ou lendo um livro por prazer, sendo subjetiva e ficar preso no mundo dos personagens torna a experiência mais agradável. Se você estiver discutindo qualquer tipo de arte, você tem que manter em mente que as opiniões de todos sobre uma determinada peça são subjetivas.

Lembre-se de maneiras fáceis de objetivos e subjetivos
Objetivo: soa como a palavra objeto. Você deve ser objetivo quando você está discutindo um objeto, algo concreto que você pode prender ou tocar. Os fatos que compõem a sua indicação objetiva também deve ser concreto, objetos sólidos.
Subjetiva: é exatamente o oposto. Você não pode apontar para questões subjetivas. Eles estão todos em sua cabeça e suas experiências passadas. opiniões subjetivas são efêmeras e sujeitas a um número de fatores que podem variar de fatos com as emoções.

Exemplos de objetivos e subjetivos
Objetivo: os fatos científicos são objectivas que sejam provas matemáticas, essencialmente qualquer coisa que possa ser apoiada com dados sólidos.
Subjetiva: opiniões, interpretações e qualquer tipo de apresentação, comercialização são todas subjetivas

7 comentários: